Capa portal baguete

A Carglass, empresa de reparo e troca de vidros automotivos com matriz inglesa e 60 lojas no Brasil, além de 600 postos credenciados, vai implantar o Microsoft Dynamics AX com consultoria da i9 Serviços.

O ERP será implantado no back office e lojas da rede no país, mas o projeto será acompanhado pelo time de TI da matriz inglesa, que avaliará a possibilidade de troca do atual sistema de gestão usado em suas unidades espalhadas por mais de 30 países pelo da Microsoft. No Brasil, a implantação deve durar 15 meses, segundo estimativa da inove.

“Apostamos em um modelo de comunicação com objetivo de engajar key users e equipes envolvidas na rápida adesão do sistema”, explica Marcos Faustino, responsável pelo projeto na i9 Serviços. “Queremos desenvolver um projeto eficiente, seguro e integrado para viabilizar a expansão global”, comenta.

O tal projeto de comunicação fica a cargo da Agência Badaró, outra empresa do Grupo i9, que criou a marca GoWin, na qual abrange ações digitais e presenciais voltadas à implantação, como a chamada WinRoom, sala dedicada aos trabalhos das equipes envolvidas no contrato. “Isso cria um ambiente interativo que contribui para a produtividade e integração das
equipes”, comenta Faustino.

O responsável pelo projeto na Carglass, Alexandre Bianco, explica que o Dynamics AX apresentou aderência de 76,22% nos estudos de pré-requisitos realizados pela rede. “Já a inove foi escolhida por apresentar reconhecimentos como o de melhor parceiro Microsoft na America Latina e oferecer full service da plataforma Microsoft, o que facilita a gestão do
parceiro”, afirma Bianco. O cliente multinacional encorpa a estratégia do Grupo i9 de faturar R$ 100 milhões até 2017,
figurando entre as 60 maiores de TI do Brasil.

Para atingir a meta, a holding especializada em plataforma Microsoft com matriz em São Paulo e filiais em Curitiba e Rio de Janeiro projeta, nos próximos quatro anos, desacelerar a média de crescimento anual, que atualmente fica em torno de 90%, para 30%. O plano começa a ser posto em prática este ano, quando a média de expansão baixa para cerca de 50% sobre 2012, devendo resultar em um faturamento de R$ 35 milhões. “Não podemos parar de crescer, mas temos que controlar esse crescimento dentro de uma margem saudável e com responsabilidade, tanto sob o ponto de vista financeiro quanto sob a ótica da qualidade das condições de trabalho da equipe”, explica o diretor Comercial e sócio da holding, Alexandre Marques. A estratégia de expansão também passa pelo quesito geográfico. Na América Latina, a empresa projeta expandir atuação na Colômbia e Chile, por exemplo.

O Grupo i9 se divide em cinco empresas: i9 Serviços (implantação do Dynamics AX), Inpartec (SharePoint), SuporTI (licenciamento e serviços de infraestrutura Microsoft), i9 RM (implantação e Suporte do Dynamics CRM) e inove Pós (suporte pós-implantação do ERP). Composta por 24 sócios, a holding emprega mais de 200 colaboradores e reforça a estratégia de crescimento da Microsoft no mercado brasileiro de sistemas de gestão empresarial. A Carglass, empresa de reparo e troca de vidros automotivos com matriz inglesa e 60 lojas no Brasil, além de 600 postos credenciados, vai implantar o Microsoft Dynamics AX com consultoria da inove Serviços.

O ERP será implantado no back office e lojas da rede no país, mas o projeto será acompanhado pelo time de TI da matriz inglesa, que avaliará a possibilidade de troca do atual sistema de gestão usado em suas unidades espalhadas por mais de 30 países pelo da Microsoft. No Brasil, a implantação deve durar 15 meses, segundo estimativa da inove. “Apostamos em um modelo de comunicação com objetivo de engajar key users e equipes envolvidas na rápida adesão do sistema”, explica Marcos Faustino, responsável pelo projeto na inove Serviços. “Queremos desenvolver um projeto eficiente, seguro e integrado para viabilizar a
expansão global”, comenta.

O tal projeto de comunicação fica a cargo da Agência Badaró, outra empresa do Grupo i9, que criou a marca GoWin, na qual abrange ações digitais e presenciais voltadas à implantação, como a chamada WinRoom, sala dedicada aos trabalhos das equipes envolvidas no contrato. “Isso cria um ambiente interativo que contribui para a produtividade e integração das
equipes”, comenta Faustino.

O responsável pelo projeto na Carglass, Alexandre Bianco, explica que o Dynamics AX apresentou aderência de 76,22% nos estudos de pré-requisitos realizados pela rede. “Já a inove foi escolhida por apresentar reconhecimentos como o de melhor parceiro Microsoft na America Latina e oferecer full service da plataforma Microsoft, o que facilita a gestão do parceiro”, afirma Bianco.

O cliente multinacional encorpa a estratégia do Grupo i9 de faturar R$ 100 milhões até 2017, figurando entre as 60 maiores de TI do Brasil. Para atingir a meta, a holding especializada em plataforma Microsoft com matriz em São Paulo e filiais em Curitiba e Rio de Janeiro projeta, nos próximos quatro anos, desacelerar a média de crescimento anual, que atualmente fica em torno de 90%, para 30%. O plano começa a ser posto em prática este ano, quando a média de expansão baixa para cerca de 50% sobre 2012, devendo resultar em um faturamento de R$ 35 milhões. “Não podemos parar de crescer, mas temos que controlar esse crescimento dentro de uma margem saudável e com responsabilidade, tanto sob o ponto de vista financeiro quanto sob a ótica da qualidade das condições de trabalho da equipe”, explica o diretor Comercial e sócio da holding, Alexandre Marques.

A estratégia de expansão também passa pelo quesito geográfico. Na América Latina, a empresa projeta expandir atuação na Colômbia e Chile, por exemplo. O Grupo i9 se divide em cinco empresas: i9 Serviços (implantação do Dynamics AX), Inpartec (SharePoint), SuporTI (licenciamento e serviços de infraestrutura Microsoft), i9 RM (implantação e Suporte do Dynamics CRM) e inove Pós (suporte pós-implantação do ERP). Composta por 24 sócios, a holding emprega mais de 200 colaboradores e reforça a estratégia de crescimento da Microsoft no mercado brasileiro de sistemas de gestão empresarial.

Mais cases